www conto erotico com br

Comendo a sobrinha do meu padrasto

Meu nome é Saulo, tenho 26 anos e irei relatar esse conto erótico que aconteceu há 5 anos atrás.E stávamos todos envolvidos com as festas de fim de ano, quando meu padrasto nos conta que viriam alguns familiares dele, para passar a virada de ano com a gente. No dia seguinte, chegaram todos, as irmãs e os filhos dele eu já tinha visto algumas vezes, mas desta vez vieram alguns que ainda não tinha visto, inclusive a sobrinha dele, que na época tinha 28 anos, e eu 21… Ela já tinha uma filha de 7 anos e tinha acabado de se separar do marido. Num tom de brincadeira, falei com meu padrasto: Rapaz, que sobrinha, hen! Eu daria uns pegas fácil. Ele logo retrucou dizendo: Pode tirar isso de idéia, tu nunca ficaria com ela, ela curte caras bem mais velhos.

Chupando o amigo roludo do meu sobrinho

Olá tudo bem? vou começar o meu delicioso conto erótico espero que gostem, Tenho 33 anos, e meu sobrinho 25 e esse seu amigo por volta de 30 anos. Sempre fui muito próximo aos meus sobrinhos, e esse quando criança até fazia muita pipa para ele soltar, nunca queria fazer e hoje sei que era preguiça, mas ele sempre foi muito carinhoso comigo. Esse meu sobrinho é bem macho, pega geral no bairro e entorno e tem um big kcte. Esse seu amigo é conhecido por negão, e é muito brincalhão, cara de safado e pegador. Negão é um cara bem normal, porém uma rola bem grossa e ótima de chupar, e esta sempre na casa da minha irmã, porém nunca passou pela minha cabeça que algo poderia acontecer, até mesmo porque não me sentia atraído por ele e não gosto de fazer esse tipo de coisa em família. Um dia meu sobrinho estava só em casa e resolveu fazer um churrasco e chamou uns amigos e a mim e lá fomos. Rolou tudo normal, uma amiga fez o arroz e feijão e dividimos cerveja. E estava quente e então fomos tomar banho de piscina e MUITA cerveja, e eu fiquei bem passado. Fui então ao banheiro para me trocar e aproveitei para tomar um banho e foi quando o negão bate na

Minha esposa e o vibrador rabbit

Sou loiro , 38 anos, 1,87m, olhos verdes, 90 kg, cabelos, curtos, não sou bem dotadão ( somente 23 cm ), sou casado ( 8 anos ) com uma mestiça nascente, da minha experiência sexual vi poucas mulheres como a minha, vou descreve-la, ela 32 anos, 1,70m, olhos castanhos, cabelos negros, bundinha arrebitadinha, e uma bucetinha atraente ( pelos pubianos negros, os grandes lábios são escuros e a chegada de sua bucetinha é rosadinha ), de vez em no momento em que para variarmos um tanto vamos a motéis, certamente dia fomos a um motel que dentro do quarto tinha alguns itens eróticos para serem vendidos, entre esses itens havia um vibrador ( 16×6 cm ), nem sequer eu e minha mulher tínhamos considerado contato com análogo coisa, perguntei para minha mulher se ela apreciaria de analisar, disse que apreciaria, peguei o vibrador ( já achado com acervo ), no início demos risadas vendo ele ter êxito, minha mulher pegou o vibrador e começou a beija-lo, a mudar a lingua nele, senti um atração fantástico vendo minha mulher realizar aquela coisa com o vibrador, meu pau já aparecia aproximadamente explodindo. Deitei minha mulher de bruços na espaçosa cama, comecei a mudar o vibrador de lado em sua buceta, sentia que aparecia excitadíssima, passava o vibro pelo cúzinho dela enquanto passava minha dialeto na sua bucetinha, pedi que deitasse de abdômen para cima, comecei a abrir o vibrador na sua bucetinha enquanto chupava seu clitóris, fazia o movimento de vai e vem com o vibro, senti o corpo de minha mulher estremecer, ela começou a gritar, dizendo que era uma percepção linda, sendo fodida e sendo chupada ao inclusive tempo, ela gozou demoradamente. Tomamos banho e voltamos para a cama e começamos a nos beijar, a nos acariciarmos, comecei a realizar o inclusive com o vibrador, enfiava e tirava o vibrador de sua buceta, perguntei se ela apreciaria de ser fodida por 2 ao inclusive tempo ( eu e o vibrador ) ela disse que tinha ciúme de apiedar-se, pedi que deitasse na beirada da cama de abdômen para cima e com as pernas abertas, enfiei meu pau na sua bucetinha quentinha e umida e comecei a desbaratar o vibrador pra dentro de sua bucetinha, entrou que entrou bom, senti minha mulher gemer de atração, comecei um vai e vem com meu pau e o vibro acompanhados, ela gritava, urrava de atração, gritava me fode, me se alimente, me arrombe, meu atração, que percepção linda, ela gozou outra vez se contorcendo todinha, tirei os 2 e deitei-me com a cabeça entre suas pernas e comecei a sugar aquele mel admirável que escorria de dentro de sua buceta. Deitei de abdômen para cima e ela começou a chupar meu pau, ela chupa como ninguém, dava umas chupadas no meu pau e outras no vibro, eu aparecia amando analisar aquela coisa, de acesso ela pulou em cima de mim, engoliu meu pau todinho com sua bucetinha e começou a me cavalgar, rebolava que nem sequer uma louca, desta vêz gozamos acompanhados abraçados, depois de um acanhado aberta, começamos novas caricias, pedi que ela ficasse de quatro, comecei a alimentar-se minha mulher por após, estocava forte lhe, enfiava meu pau com estilo naquela bucetinha gordinha e atraente, comecei a mudar o vibro em seu cuzinho enquanto fodia ela, ela disse que era bom porém não queria permitir o rabinho também ( tinha ciúme ), respeitei porém aparecia com um puta atração de enraba-la, disse que apenas enfiaria a pontinha do vibrador em seu cuzinho enquanto ia fodendo sua bucetinha, foi o que fiz, ela gozou de novo, ela se deitou de abdômen para cima e pediu que a comesse na acomodação pai e mamãe, comecei a fode-la, ela pegou o vibro e começou a chupa-lo, disse-me que aparecia adorando aquela coisa, gozamos acompanhados, nos beijando. Depois de esse dia constantemente que vamos ao motel levamos o vibrador juntamente e nos deliciamos. Outro dia ela me telefonou no trabalho e disse que aparecia preparando minha alimento para o vencer, eu perguntei qual era o prato essencial ela me disse que era bucetinha ao mel e que aparecia com o vibrador todinho dentro de si se masturbando. Adorei. Se você gostou me escreva dizendo o que achou.

Dei o cuzinho e a buceta levou um vibrador

Meu primeiro conto erotico.. Me chamo Anie e vou contar sobre eu o macho do pau grande e o vibrador GG. Sou magra alta, bunda farta e loira, tenho um tesão louco a todo momento e adoro realizar fantasias.. Bom sai com o Bruno alto corpo sexy todo malhado e com um pau extremamente grande, ele doido para realizar a fantasia de me comer com um vibrador já foi logo dizendo oque queria, eu safada lógico que aceitei.. fui lá e comprei um mastro de 23 cm pra levar pra nossa brincadeirinha no motel. Chegando lá apresentei pra ele o consolo os olhos dele brilhava só de saber que ia socar aquilo em mim.. começamos a nos beijar loucamente ele apressado já tirou minha roupa e começou a bater uma pra mim.. quando ele tirou minha roupa a baba já escorreu, sinto um tesão enorme em dar pra aquele homem gostoso.

Marido AceitaEsposa Após Abrir Suas Traições

CARTA PARA RECOMEÇO APÓS ANOS DE TRAIÇÃO Resolvi transformar essa canta pra minha esposa , em um conto erótico excitante e real , pois de verdade aconteceu conosco todos os fatos e quem possa ver e ler possa ajudar a casais superar traição de algum cônjuge que AMA e lhe da o perdão para um recomeço para uma vida nova . Os nomes e email foram

Comi Minha Tia Coroa Safada- Conto Eróticos

Ola Vou Me Identificar Como Lucas, Tenho 18 Anos Tenho 1.60m Olhos Castanhos E Cabelo Preto Sou Um Cara Louco Por Coroas, E Tenho Muito Tesao Pela Minha Tia Chamada (Jutania) Uma Morena Coroa Queimada Do Sol Bunda Grande E Ums Peitos Enormes Lá Tava Eu Na Sala Mexendo No Celular Quande Vi Ela Passar De Toalha Pro Banheiro Ela Tava Indo Tomar Banho Apreveitei Pra Uma Olhadinha Nela Fui Lá Mais Não Consegui Ver Nada Nada Nada… Então Fui Pra Cozinha Ela Ouviu E Me Chamou Pra Lavar As Costa Dela Então Mandei Ela Abrir A Porta Logo Dei De Cara Com Aquela Buceta Cabeluda E Maravilhosa Meu Pau Ficou Duro Na Hora Ela Percebeu E Só Sorriu Falou Nossa Pq Ela Acordou Assim Fiquei Vermelho De Vergonha Comecei A Lavar Suas Maravilhosa Costa Do Nada Ela Perguntou Sobrinho Vc Me Acha Bonita Falei Claro Dps De Um Tempo Ela Perguntou Vc Me Acha Gostosa Fiquei Sem Ação

Conto erótico

O tempo chuvoso e eu saiu de casa aborrecida e chateada, o vento batendo forte em meus cabelos fazendo ele voar e arruinar minha escovinha droga tudo que eu precisava, e a chuva vem com tanta velocidade que quase leva meu guarda chuva e ainda mim molha o suficiente para mim pegar um resfriado, naquele caus todo um homem se aproxima – E ai estar tudo bem ?

Conto Erótico – Primeiro Encontro

Oi, meu nome é Bruna, tenho 21 aninhos, carinha de anjo mais muito safada, morena, tenho 1,58, baixinha, porém muito gostosa, cinturinha fina, seios médios e uma bunda grande, cabelos pretos e longos. Esse é o meu primeiro conto erótico, sempre me interessei bastante em ler sobre isso, e agora resolvi contar.. Um pouquinho nervosa mais vamos lá.

Visita a Casa de Swing com uma Leitora de contos eróticos

Uma leitora entrou em contato comigo dizendo que adorou os contos e que gostaria de conhecer uma casa de swing. Trocamos algumas mensagens e depois passamos a se falar por whatsup. A foto era de uma loira no perfil e achei que seria interessante marcamos de ir juntos na casa. Trocamos algumas fotos (comportadas) pelo whatsup e depois de umas 2 semanas conseguimos encaixar a agenda para irmos.

Branquinha gostosa dando pro casado

Bom, esse é meu primeiro conto, adoro ler contos eróticos bem safados eles me deixam bem excitados.

Primeira brincadeira na webcam

Minha descoberta por webcam surgiu quando tinha 18 anos.

Sonho erótico com o atendente negro

Eu e meu marido frequentamos uma tabacaria na nossa cidade, algumas vezes precisei ir lá sozinha e foi quando um atendente me despertou interesse, ele é um negro alto, forte , careca e barbudo. Na primeira vez que me atendeu sozinha, me comeu com os olhos, eu estava com um cropped decotado e precisei repetir duas vezes minha pergunta pois ele não tirava os olhos dos meus seios, eu sorri e ele ficou sem graça. Tenho 25 anos, sou branquinha, pequena, ruiva, falsa magra, seios pequenos e bunda grande! Depois disso comecei a reparar mais nele e hj tive um sonho erótico com este rapaz. Sonhei que tinha ido até lá e ele nao tirava os olhos dos meus seios, veio em minha direção e na frente de todos, rasgou minha blusa e começou a chupar meus seios e eu deixei estava gostando da sensação de ser possuída por aquele

Depois da trepada virei putinha safada

Sempre saia com minha amigas para as festas só para beber com as amigas, beijar e ficar atrás dos banheiros fazendo boquete, passei a mirar em homens mais velhos que tivessem carro e me levassem para um motel para me matarem o tesão que eu tinha, me sentia uma putinha.

Minha Primeira experiência com travesti

Está conto erotico aconteceu comigo em setembro de 2017. Moro em Curitiba Sou moreno, olhos verdes, 1,80 malhado. Após sair de uma balada, resolvi passar no ponto de travestis em Curitiba na Getúlio Vargas. estava com receio e um pouco de medo, pois nunca tive experiência com travesti. Mas resolvi parar o carro. Venho então próximo ao carro uma travesti muito bonita se chama Luana, morena, aproximadamente 1.80 bonita, cheios fartos. Entrou no carro e perguntei quanto era para fazer uma boquete em mim no carro mesmo. Acertamos valores e ela começou a acariciar meu pau por cima da calça, tirou para fora e começou a me chupar. Eu ainda em meio ao feito do alcool, me deixei levar pelo momento, tesão era

O mijo virou carona

Antes de tudo, deixe aqui abaixo seu comentário, ou envie mensagem in box. No chat CONTO ERÓTICO.

O dia em que dei pra 4

O conto erótico que escrevo é real. Tenho 34 anos, sou bi. Sou alto, sou um pouco gordinho, mas sou bem bonito, além de ter uma bunda gostosa.

Estupro na casa de campo

Olá, meu nome é Ana. Tenho 25 anos.

Dupla Penetração com meu marido e amigo

Esse caso começou num domingo pela manhã quando eu e meu marido estávamos nos

Casal iniciante no mundo liberal

Depois que comecei a escrever contos eróticos, e deixar meu e-mail, já recebi contatos de gente do Brasil inteiro. Não dá pra conhecer todo mundo pessoalmente, mas dá pra conversar. Muitas das mensagens são de casais que querem iniciar no mundo liberal, mas não sabem como. E como já vi, li e ajudei muitas vezes, já vi de tudo: geralmente é o marido que quer, a mulher tem mais medo; em geral o medo é por não saber se o outro vai respeitar e as mulheres não se sentem confortáveis em transar com outro porque estão fora de forma. Aliás esse último é um desprestígio pro marido. Uma vez que ela considera que tem que estar super gostosa pro comedor, mas pro marido ela dá com o corpo fora de forma mesmo…

Esposinha Insaciável I

Celene tinha se apaixonado por outro homem enquanto estava casada com Valter. Depois de muitas brigas e oposição de ambas as famílias, as duas contra Celene, eles se divorciaram e ela pode finalmente se unir a Lauro Torinho.

Dando no carro pro colega de trabalho

Me chamo Carol, tenho 1,60, bumbum grande, seios médios e 49kilos bem distribuidos.

Putaria Deliciosa na Argentina

Em outubro de 2017, meus pais ganharam um processo que moviam a anos e resolveram me dar uma graninha pois meu aniversario seria em dezembro, resolvi ir, pela primeira vez à Argentina, visitar alguns amigos que estavam lá fazendo medicina.

Carona com meu professor gostoso

A sexta feira começou muito ruim, acordei atrasada, tinha prova de biologia no primeiro período e o pessoal da republica já tinha se mandado, ou seja, perdi também a carona. Procurei não me estressar, tomei um banho rápido, vesti uma saia e um camiseta branco, peguei minha bolsa e a pilha de livros e saí correndo, perdi a prova e tomei uma baita bronca do professor. Eu estava tão cheia de raiva que nem prestei atenção nas outras aulas. Quando saí da sala de aula vi uma galera parada na porta, só então percebi que estava chovendo, sempre adorei chuva, aquela era uma boa oportunidade pra relaxar, deixei meus livros no armário e caminhei até a porta, precisei abrir caminho entre as pessoas pra poder chegar até la, ouvi cochichos de algumas estressadinhas, mas nem dei bola, saí no meio da chuva, não demorou muito e minha roupa já estava ensopada, eu já estava chegando no portão da faculdade quando um carro parou ao meu lado e abriu um pouco o vidro.

Comendo o garanhão do bairro

Esta conto erótico não podia deixar de contar, porque foi uma das mais deliciosas que ja me aconteceu e foi no sabado passado. Vesperas do dia das mães.