mao gozada

Marido corno só chupa buceta arrombada e gozada

Sou a Ana uma madura esposa puta casada com um marido corno manso e submisso de pau pequeno por isso estou sempre em busca de cacetes bem grandes principalmente bem grossos para me satisfazer e deixar minha buceta bem arrombada para o meu corninho. Estávamos em um bar quando reparo que dois homens muito bem vestidos olhavam constantemente pra mim e pareciam que comentavam algo. Fui ao banheiro e tive que passar ao lado da mesa deles. Eu estava com um vestido florido bem curto e fino como sempre deixando meus seios soltos e a calcinha sutilmente a mostra e fui observada de cima em baixo por eles. Ao retornar sentei de frente para eles e cruzei minhas pernas fazendo meu vestido subir deixando minhas pernas quase totalmente descobertas chegando a descobrir parte da calcinha. Meu marido

3 Irmãos excelentes professores….

Moro num bairro pobre de SP. Minha mãe trabalha de doméstica, sai cedo de casa e só volta por volta das 19h Meu pai chega um pouco mais cedo mas fica no bar bebendo com amigos. Quando chego da escola, esquento comida, almoço, fico vendo TV e sem saco para fazer lição….. Claro que estava indo mal na escola.

Reconciliação entre Irmãos

Me chamo Sérgio (nome fictício), que vou contar para vocês hoje aconteceu quando eu tinha 33 anos a minha irmã Suelen (nome fictício) tinha 29 anos.

Meu meio-irmão

Antes da minha mãe morar com meu pai, ela teve outro marido e juntos tiveram um filho. Como o relacionamento não deu certo, quando separaram, meu meio-irmão ficou morando com o pai e avós paternos. Devido a diferença de idade (ele é 8 anos mais velho), tínhamos pouco relacionamento……

Papai não quiz Pagar o taxi, cheguei gozada em casa

Olá! O que vou contar aconteceu comigo de verdade e mudou um pouco minha vida. Sou casada, tenho 26 anos e meu marido 40. Tenho 1,64 de altura e peso cerca de. 78 kgs, sim estou a cima do peso, ganhei quilinhos logo após minha gestação rsrsrsrs, contudo, tenho pernas grossas e torneadas bumbum carnudos e minha a pépéca é pequena e carnuda. Meu marido ama me chupar. Rsrsrsrs.

Minha esposa toda gozada

Oi meu nome é Paulo sou casado há 19 anos, sou 9 anos mais velho que minha esposa Silvia, tenho 50 ela 41 , sempre fui louco por fantasias , ja realizei muitas mas a que eu mais queria era comer a bucetinha da minha esposa toda gozada . Tudo começou no fim desse ano, quando começamos a conversar sobre a nossa ou a minha fantasia de comer a bucetinha dela toda gozada. Ela é consultora e tem um amigo que trabalha na mesma área, ele se chama Wilson. Comecei a incentivá-la a sair com o Wilson. Ela é muito gostosa, tem 1,60, 52 kilos e é loira, bundinha arrebitada, peitinho pequeno e coxa grossa. Não queria deixar que minha esposa fosse. Fiquei com aquilo na minha cabeça por uns dias, não queria aceitar, foi dai que eu comecei a ter uns pensamentos,sobre minha fantasia , mas não tinha coragem de falar com ela, quando foi chegando o dia resolvi falar em tom de brincadeira, contar minha fantasia , disse amor eu deixo vc ir se vc realizar minha fantasia topa ? Ela me olhou e disse, que fantasia ? Quero comer sua bucetinha toda gozada, ela me disse vc ta louco , respondi não , é serio amor deixo vc ir mas em troca vc vai ter que trazer sua xaninha toda gozada pra mim , ela riu e disse vai esperando. Sabendo que aquilo era coisa da minha cabeça e que minha esposa já mais iria fazer isso, eu fantasiava todos os dias aquilo, e isso ia me tomando a cada dia mais, ate que chegou o dia em que ela se encontraria com o amiguinho. Depois de várias tentativas, pois o Wilson era recém divorciado e tem uma namorada, bem mais nova que ele. Eles iam se encontrar no shopping aqui e Goiânia. Deu uma baita dor na barriga, pois eu que tinha pedido e nós iríamos realizar a minha fantasia. Quase desisti. Levei-a ao shopping e eles se encontraram. Ela me disse falando serio posso ir? Eu disse lógico amor pode sim , mas tem aquela fantasia que te falei ,ela riu e me disse rindo ta bom amor pode deixar e continuou rindo, quando foi a noite ela me falou , vc me leva e a hora que acabar eu ligo pra vc me buscar ok , disse tudo bem mas eu vou escolher a roupa que vc vai ,ela ate se espantou quando abri o guarda roupas e disse vc vai com esse vestido , ela me disse ta bebado vc não gosta que uso vestido , eu disse mas hoje quero que vc use. Ela se arrumou e fui leva-la, quando chegamos e ela desceu do carro vi que ela estava mesmo muito linda naquele vestido preto com cinza, muito decotado e salto alto. Deu um beijo e me disse depois te ligo amor , falei olha nosso trato hem , ela sorriu, novamente, falou vc ta falando serio ? sim eu disse ela sorriu e entrou na firma onde acontecia a festa, fui pra casa ansioso, passaram quatro horas já era 22:30 ela me ligou, rindo percebi que ela tinha tomado alguma bebida e me disse amor pode vir me buscar , eu falei to indo mas o nosso tra o vc cumpriu né ? Ela me falou vc ta falando serio mesmo sobre isso , claro que tou falei , fala serio ela me disse , nunca falei tão serio eu quero é minha fantasia realiza pra mim vai , ela repetia varias vezes ta falando serio mesmo, eu to sim só vou buscar vc quando se sua bucetinha estiver cheia de porra , ela ficou quieta até pesei que tinha caído a ligação e me disse ta bom depois não vai se arrepender hem. Nem vai ficar brigando comigo e jogando na minha cara isso hem , pois é vc quem quer ,falei amor to pedindo eu quero , ta bom ela disse então pode vir me buscar vc não vai se arrepender. Beijos e desligou. Sai de casa e fui buscá-la no shopping, novamente. Fiquei louco imaginando o que ela fez. Cheguei, ela abriu a porta e entrou, me olhou e disse era isso que vc queria , pegou minha mao abriu as perna , passei a não na calcinha dela pude perceber que estava molhada , quando enfiei a mão dentro da calcinha estava toda melada escorrendo ela me disse era assim, que vc queria ver minha xana toda gozada , cheia de porra de outro homen . vesti a calcinha nela e dei um longo beijo agradecendo fomos pra casa onde realizei minha fantasia , comer a bucetinha da minha esposa toda gozada . nunca gozei tanto em minha vida vendo a xaninha da minha esposa escorrendo porra transamos quase a noite toda. Realizei minha fantasia. E queremos mais. Contato com [email protected]

Pegando o amigo do irmão

Olá sou a Ju tenho 25 anos, 1,60 branquinha dos cabelos pretos longos, magra mas com um popo bem redondinho e arrebitado, peitos rosinha, rostinho de menina. Bom sem mais delongas hoje a história é sobre como fiquei com o amigo do meu irmão. Ele o Jhon 21aninhos era um amigo menininho era como se fosse da família, que de um dia para o outro se tornou um homão da porra, sarado um moreno de lábios hipnotizantes de mãos grande.

Gozada fantástica

Meu conto é uma história realizada em São Paulo tenho 36 anos, solteiro e separado, frequento baladas liberais há alguns anos mas de vez em quando somente… certa vez estava em uma delas que fica no bairro de Moema… chamada Hotbar, curtindo a balada, o som é tudo mais… apesar de ser uma balada de swing a balada em si é muito top

Esposa Safada do corno de São Bernado do Campo

Oi pessoal tudo bem, Vou relatar mais um caso que ocorreu comigo, são fatos reais que aconteceram ao longo do meu casamento que vou relatando, não omito nada, nome, cidade que moro e até mesmo o nome do meu marido, pelo motivo que já expliquei em outro conto, relembrando a todos, meu nome é Lucineide, Moro em São Bernardo do Campo, sou casada a 14 anos com meu marido que se chama Reginaldo e tenho 2 filhos que não são dele, e sim do meu ex namorado chamado Sandro.

Minha primeira experiência com outro cara

Bom esse fato ocorreu quando eu tinha 23 anos, sempre adorei sexo mas até então só havia tido experiências com mulheres, e nunca havia sentido tesão ou atração por caras, e sempre tive uma boa forma física e boa aparência o que me rendia muito sexo com mulheres, mas de tanto receber cantadas de caras e conversar sobre o assunto na internet resolvi experimentar depois de muito refletir, eu tinha na época por volta de 1,68m, 68 a 70kg muito bem distribuídos, muito poucos pelos e desde os 15 anos já me depilava na frente e atras por questões de higiene e gosto. Bom depois de procurar e conversar bastante encontrei um amigo que aqui vou chamar de Marcelo, que era exatamente o perfil que eu procurava para aquela experiência e vice versa, ambos iriam ter sua primeira experiência com outro homem, tinha-mos a mesma

Um estranho ajudando a comer a esposa safadinha

Vou por nome fictícios, o meu de Ricardo e de minha esposa de Pâmela. Somos casados a quase 3 anos. Eu 29 e ela 39. Eu branco 1,79 com corpo comum é minha esposa uma morena de 1, 71 com um corpo bem destribuido. Nosso sexo sempre foi bom. Com o passar do tempo começamos a realizar fantasias que foram crescendo e se misturando. Começamos a fuder dentro do carro, depois ela ficar nua e ir se masturbando com os vidros baixos e quem viu . . . Gostou né? Até um dia realizarmos uma que queríamos que era transar em local aberto no capô do carro. Então fomos a um ramal durante a noite, estacionamos o carro na beira da rua de terra que só tinha vegetação em volta e algumas casas distantes. Saímos do veículo já totalmente sem roupa me apoiei no carro e ela começou a mamar bem gostoso meu pau e depois ela se deitou no capô e a chupei um tanto demorado na buceta. Quando já estava bem molhada comecei a meter na buceta que já escorria de tesão. Aí depois de um tempo ela começou a sorrir com um ar muito safada e me disse que tinha um rapaz de bicicleta nos observando de longe e estava vindo em nossa direção. Tentei me afastar para nós cobrirmos mas ela me segurou e mandou não tirar de dentro. meio tenso mais continuei metendo e ouvi o rapaz já bem perto de mim. Quando o rapaz que pedalava cada vez mais devagar estava passando ao lado do carro ela que nem um puta disse ao rapaz ” boa noite, gostou?” O rapaz sorriu e disse “claro gostosa” e ela respondeu “nem comeu ainda para saber” o rapaz encostou a bicicleta e parou ao nosso lado e aquela cena estava me deixando tenso é com mais tesão ao mesmo tempo. Então minha esposa puta sendo comida e olhando para ele perguntou: vem me experimentar e depois você diz se sou gostosa.

Sexo Anal com a Funkeira Safada no ônibus

Se tem uma coisa que gosto muito de fazer é viajar, a menos que seja a trabalho e infelizmente dessa vez era para isso que estava no terminal rodoviário do Tietê as 22:00 em SP. A empresa onde trabalho me “pediu delicadamente” para que fosse visitar um cliente em Marília de manhã, então bastava somente pegar um ônibus para lá de madrugada e chegar de manhã a tempo…tudo tranquilo!

Puta e escrava deles – Parte 5

Vamos ao penúltimo conto, naquele dia depois do churrasco quando Pedro viu o vídeo do Luiz me comendo feito uma puta rampeira qualquer aproveitei e contei para Pedro das fotos que havia enviado para o grupo, o engraçado é que ele sentia um tesão enorme mas ponderou que era preferível continuarem achando que ele era corno do que ciente de tudo devido ao trabalho eu concordei então combinamos que manteríamos assim porem ele não sabia tudo rsrs, não sabia da vez com o Claudio, nem do momento no sítio em que os quatro me ensanduicharam, só que ele por sua vez ficava me jogado aos leões, por exemplo comentou no trabalho que eu iria terça-feira para Saquarema e que ele só poderia ir sexta porque nossos filhos tem curso e que durante o mês de janeiro todo eu ficaria sozinha lá de segunda até a noite a quinta devido o

Amigo do meu filho

Meu nome é Amanda (fictício), tenho 42 e sou viúva a 5 anos, tenho um filho de 17 é uma filha de 15!

Duas rolas na amiga safada do trabalho

Olá amigos, em contos anteriores relatei algumas aventuras nessa vida doida e relativamente sexualmente ativa que venho levando desde a juventude..rs

Que buceta linda e deliciosa tem minha mãe

Estava deitado na cama pra dormir ,quando foi por volta das 23:54 da noite à porta do quarto se abre era minha mãe só de toalha ,na hora meu coração disparou ,senti que ela iria ficar nua ali ,na hora pensei nunca vi uma buceta ao vivo ,e nunca havia visto a buceta da minha mãe só seus seios que ela gostava de exibi los . Então ela tirou a toalha e ficou de costas pra mim ,ela achava que eu dormia ,pois eu fiquei com os olhos meio fechados ,mas ela poderia ter imaginado que a luz acesa poderia me acordar e vê lá ali totalmente nua ,parecia não se importar e vi sua bunda seus seios enormes ,mas quando se virou logo vi uma buceta ao vivo pela primeira vez,e pela primeira vez via a buceta da minha mãe ,e que bucetão fiquei admirando e pensei mãe que baita bucetão você tem ,fiquei ali parado admirando o bucetão da dona Sandra ,minha piroca ficou muito dura ,é só pensava que xotão mãezinha você tem ,muito inchada ,peluda ,não conseguia parar de olhar quase gozei ali de tão excitado por ver a buceta dela . E uma tarde resolvi retribuir o favor ,estava eu deitado no quarto ,e vi que ela estava no banheiro e iria sair deixou o pente e o creme de cabelo em cima da cama ,aí pensei vou retribuir ,eu dormia com um short curto e largo e pensei vou deixar o pênis amostra pra fora do short ,ela vai pensar que o pênis escapuliu pra fora do short, e quando entrou no quarto logo viu ,se aproximou e ficou ali em pé não acreditando no que via se aproximou mais ,e ficou ali admirando meu pênis se abaixou pra ver bem de perto ,e vi que gostava de ver ,e pensei pode olhar mãezinha ,ela se levantou pra se pentear ,lembrou que tinha que ir na rua ,mas voltou pro lado da cama de novo onde podia ver mais uma vez e ficou ali olhando sem parar o pênis enorme do seu filho e finalmente se penteou e saiu ,e pensei nossa ela gostou mesmo do meu pênis ,aí resolvi repetir outro dia . Era uma tarde minha mãe dormia no quarto e eu na sala acordei depois de uma cochilada de tarde ,e vi que ela cochilava na cama no quarto e pensei é agora ,aí coloquei o pênis amostra de novo ,e esperei ela vir até a sala ,ouvi o barulho da cama ela estava levantando e iria entrar na sala ,então quando veio até a sala logo viu se aproximou e ficou ali ao lado do sofá admirando o pênis do seu filho mais uma vez, e ela achava que eu dormia então vi minha mãe levar sua mão até sua buceta e começar a acariciar sua xota ,eu vi aquilo fiquei louco vi minha mãe excitada se tocando olhando meu pênis ,pensei deixei ela excitada que coisa boa ,comecei a imaginar o que ela estava imaginando ,talvez estava imaginando meu pênis penetrando sua buceta ,aquilo começou a despertar em mim o desejo em comer minha mãe . Um dia observei o volume no short dela que seu bucetão fazia ,deixava uma testa de buceta ,marcando toda a buceta dela ,ela estava sem calcinha e o short desenhava toda a buceta dela ,até meu vizinho reparou e não tirava os olhos da buceta dela vi meu amigo excitado com o volume da sua buceta até eu fiquei de pau duro ,o desejo pela xota da minha mãe só aumentava . Uma madrugada eu acordei de pau duro eu e minha mãe dormíamos na mesma ,na época eu tinha 18 pra 19 anos ainda virgem cheio testosterona ,minha mãe era uma mulher de 44 anos peituda ,branca e uma baita buceta pra lá de inchada . E nessa madrugada eu coloquei a pica pra fora ali na cama mesmo ,minha mãe dormia de costas pra mim comecei a me masturbar aí veio a vontade de roçar a pica nela ,aí me aproximei e encostei a pica na sua bunda e fiquei deslizando a piroca nela ,ela tinha o sono leve ,é claro que estava acordada ou acordou e percebeu mas não sabia como agir d deixou seu filho roçar a pica nela, e eu gostava e todas as noites eu fazia a mesma coisa .

O sobrinho fodendo meu cuzinho guloso

Essa é a história de quando masturbei o sobrinho e não satisfeita dei o cuzinho e bem dado ao sobrinho e a “punição” do meu amado marido que revelou na cama saber de tudo, ele enfiou com força no meu ânus enquanto eu masturbava. (detalhe esse, que não será explicando quando ele de fato entrar na história)… Olá a todos eu sou a Maísa e tenho 27 anos e eu não tinha ideia que ia ser vagaba quando recebi o sobrinho ao lado do meu amando marido e ele ia passar um ano a título de estudos e nos primeiros meses tudo correu normal e ele nunca me desrespeitou, porém havia uma particularidade que acontecia sempre.

Dando a buceta para o montador de móveis

Ola! meu nome é rafaela, tenho 20 anos, sou morena clara, 1,71m, 63 kg. cabelos pretos e longos, seios médios, bumbum grande e uma xaninha que todos adoram. o que vou contar pra vcs aconteceu a dois dias atras. era bem cedo quando a campainha tocou e uma voz grossa do outro lado se anunciou como o montador, abri o portão e pedi pra que entrasse. fiquei o esperando na sala, eu estava vestindo uma camisola e um robe, ele bateu na porta e em seguida abriu, ele era moreno claro, uns 1,90, forte, mais ou menos uns 50 anos, cabelos castanhos ja com um tanto de fios brancos, muito bonito. pedi para me acompanhar e o levei ate a cosinha pra lhe mostrar onde estavam as caixas e onde era pra ser montado o armario. perguntei se não tinha um ajudante e ele me disse que o cara furou com ele mas nao teria problema pois ele conseguia montar sozinho. fui pro meu quarto e comecei a maliciar com aquele homem que era uma delicia, então resolvi me exibir pra me divertir um pouco. tirei a calcinha, coloquei um vestidinho branco sem alças e bem curtinho, por ser de malha sobe enquando eu ando, arrumei meus cabelos e passei um batom claro, só pra dar um brilho nos labios. fui ate a cozinha e ele estava já havia começado, disse que iria fazer um café e fui rebolando em direção a pia, coloquei a agua pra ferver, lavei a garrafa e pelo reflexo da geladeira vi que ele nao tirava os olhos de mim, nessa hora o vestido ja tinha subido um pouco e ja estava mostrando o começo do meu bumbum, entao resolvi deixar algo cair pra mostrar minha xana pra ele, peguei a caixa e coador e derrubei, virei a bunda na direção dele afasteia as pernas e sem flexionar os joelhos me abaixei, na hora ouvi um barulho de algo caindo, me levante e virei e vi que ele havia deixado uma ferramenta cair. continuei a fazer o cafe e levei uma xicara pra ele, sentei de frente pra ele e comecei a puxar assunto, olhei pra calça dele e pelo volume vi que estava com o pau duro, entao abri um pouco as pernas e continuei conversando, ele nao tirava os olhos da minha buceta, e eu ja estava toda molhada, o que era pra ser só uma brincadeira estava me dando muita vontade de dar pra aquele homem, entao resolvi oferecer minha ajuda pra ele e logo aceitou. me pediu pra segurar uma das parte pra ele parafusar na parede, me virei e dei uma leve abaixada no vestido para que quando eu levantasse meus braços pra segurar o armario um dos bicos meus seios ficassem a mostra. e deu certinho mas ele veio por tras e se encostou em mim, senti o volume daquele pau e me mexi pra mostrar que percebi, ele estava com a respiração ofegante e me pediu para subir na cadeira pois nao estava dando altura. continuei segurando o armario enquanto ele pegava a cadeira pra mim, ele colocou a cadeira na minha frente e quando olhou pra mim viu o meu seio, como sempre fingi que nada estava acontecendo, ele se posicionou de frente pra mim e segurou o armario pra eu subir, me curvei um pouco na hora de subir pro meu vestido subir mais um pouco e subi na cadeira passando meus seios pertinho do rosto dele e peguei o armario, depois de subir na cadeira o vestido deixou o resto do meu seio escapar e com certeza a parte de baixo ja estava na altura da minha cintura, mas eu nao podia olhar pois ele iria ver que eu sabia o que estava acontecendo. ele voltou pra tras, se encostou bem em mim e enquanto parafusava o armario me me fazia elogios, logo que se afastou de mim senti uma respiração no meu bumbum, na hora estremeci toda e me desequilibrei, ele me segurou pela cintura e me colocou no chao, nossos corpos estava colados e nessas horas meu vestido ja estava enrolado na minha barriga. ele me olhou no olhos e disse que não estava mais aguentando, me pegou no colo, me colocou em cima da mesa, começou a me beijar e mordicar o pescoço, foi descendo pros meus seios, ele sugava com muita vontade, colocava o que pudesse dos meus seios na boca, e logo continuou a descer pela minha barriga ate que chegou na minha xaninha. ninguem nunca me chupou tão gostoso como aquele homem, ele envolvia meu grelo com os labios e fazia movimentos circulares com a lingua, mordiscava, enfiava a lingua na minha grutinha e no meu cuzinho, me fez gozar varias vezes. me levantei e tirei a roupa dele, ele devia ter uns 23 cm de pau, não muito grosso, mas uma cabeça grande e vermelhinha, fiz a melhor chupeta da minha vida, nunca tinha visto um pau tão bonito como aquele, depois de uns 10 minutos, com o pau dele todo atolado na minha garganta, senti uma contração e ele anunciou o gozo, que delicia aquele caldo quantinho escorrendo na minha garganta. ele me colocou na mesa de novo e me beijou, explorava a minha boca toda com a lingua, e logo senti o pau dele duro forçando a entrada da minha xaninha, ele foi devagarzinho ate que alcançou o fundo da minha xaninha, o pau dele era tao grande que deve ter ficado uns 5 cm pra fora, rebolei bastante pra minha xaninha acostumar e ele começou a bombar forte, logo o pau ja entrava todo em mim e sentia as bolas batendo no meu cuzinho, perdi a conta de quantas vezes gozei. ele me pediu pra ficar de costas por que queria me fuder puxando os meus cabelos, obedeci na hora e ele voltou a me fuder, me chamava de cachorra gostosa, putinha, vagabunda, entre outras coisas e isso me deixava cada vez com mais tesão, ele batia no meu bumbum e mordia minhas costas. depois de algum tempo pedi pra ele comer meu cuzinho, ele se sentou em uma cadeira e fiquei de frente pra ele, posicionei o pau e sentei devagar ate entrar tudo, fiquei um pouco parada por causa da dor e comecei a rebolar, me acostumei com aquele pau imenso no meu rabo e comecei a descer e subir, enquanto isso ele chupava meus seios, me beijava, me batia na cara, e com uma das mãos massagiava me clitoris, anunciei meu gozo e acho que com as minhas contraçoes ele gozou comigo. depois da ultima gozada perdi minhas forças e fiquei ali no colo dele, enquanto ele acariciava as minhas costas e beijava meu pescoço, ficamos um pouco ali e fomos tomar banho. no primeiro momento ele me tratou feito uma puta mas agora me tratava com muito carinho, lavou meus cabelos, me ensaboou, enquanto me enchia de beijos, logo seu penis deu sinal novamente, ele me pegou no colo com as pernas abertas me encostou na parede e trasamos por uns 30 minutos. terminamos o banho, me levou pra minha cama e foi terminar de montar o armario, quando terminou foi ao meu quarto pra se despedir mas pedi pra se deitar um pouco comigo. ele tirou a calça, se deitou e depois de mais uma transa dormimos um pouco, no começo da tarde disse que tinha que ir pois tinha algumas montagens a fazer. o levei ate a porta, trocamos telefone, ele me disse que adorou transar comigo, disse que me queria outras varias vezes e confessou que tambem é casado, nos despedimos com um beijo e entrei. ele me ligou no fim do dia e hoje de manha disse que esta morrendo de saudades e vem me visitar o mais rapido possivel, estou ansiosa pra ter aquela delicia novamente. espero que tenham gostado, bjs!

Lua de mel da putinha

Acordei com a minha putinha mexendo o quadril me fodendo com o vibrador , ela tirava ate a cabeça e metia tudo de volta devagar me fazendo carinho no peito enquanto fodia:

Márcia a casada que virou puta

Era uma noite de sábado e eu estava em casa sem nada pra fazer. De repente recebi uma ligação inesperada de uma ex namorada que há muito tempo não via. Ela começou perguntando como eu estava e o que eu tinha feito durante todo esse tempo que estivemos distante. Eu disse que estava tudo tranquilo é que no momento não fazia nada demais. Foi então que ela me perguntou o que eu estava programando fazer a noite. Eu respondi que não tinha nada em mente, que provavelmente iria dormir cedo. Daí ela me perguntou o que eu achava da gente sair um pouco pra tomar uma cerveja e conversar? Neste momento percebi que ela parecia está carente e sem outras companhias. Porque ela estava casada e a pouco tempo tinha se divorciado. Como eu sei que ela é daquelas mulheres que não conseguem viver sem uma boa

Minha Esposa sendo fudida por dois

Estava de viagem ao RJ na qual a previsão era ficar por lá duas semanas para resolver alguns problemas pessoais, porém consegui resolver esses problemas em uma semana, minha esposa estava impaciente para minha volta, porém não avisei nada a ela que já tinha resolvido tudo então peguei meu carro e fiz a viagem de retorno para outro estado onde resido com o intuito de fazer uma surpresa para minha linda esposinha, após uma longa viagem ao entrar na rua onde moro notei a moto de um amigo nosso parada em frente a nossa casa até ai tudo bem, pois esse amigo é bem chegado a nós, mas fiquei com a pulga atrás da orelha, pois eu iria ficar fora por uns dias, estacionei o carro e fui entrando em casa bem devagar sem fazer barulho logo no corredor já vejo uma peça de roupa atirada no chão e escuto alguns gemidos… entendi na hora o que tava acontecendo e fiquei meio bolado.

Comi meu namorado, que gostava de um fio terra

Bom essa historia aconteceu a muito tempo, eu namorava um personal trainer muito bonito alto, magro, os musculos definidos nada de exagero, e pernas bem torneadas, um espetaculo de homem. Eu sou bem alta tambem bem mais que a maioria das mulheres eu tenho 1,77 magra, bem gostosa com tudo no lugar. Eu e ele que vou chamar de R. estavamos saindo a algum tempo namoravamos a 8 meses e nossa vida sexual era bem ativa, ele adorava que eu chpasse o seu pau, por diverssas vezes fizemos sexo pela web can, uma outra pessoas assistindo nossa performasse sem nunca ter nos visto, tudo sem nos identificar é claro, eu sentia muito tesão me exibindo assim para um desconhecido. Um dia nos passamos um final de semana no parana, tudo foi bem romantico sexo muitas vezes ao dia…. foi nessa aventura sexual que R revelou seus desejos mais intimos para mim…. Eu chupava seu pau como sempre fazendo ele sumir na minha boca engolia tudo como uma verdadeira puta adoro chupara uma pica bem grande…. estavamos num 69 delicioso ele chupava minha buceta com maestria, eu delirava com suas lambidas, e em retribuição abocanhava seu pau…. ele pegou uma de minhas mãos e levou para sua bunda eu seguerei e continuei a chupar o seu pau…. as vezes eu descia para suas bolas e percebia que ele se contorcia de prazer, voltava a chupar o seu pau…. novamente ele pegou minha mão so que dessa vez….. bom dessa vez ele conduziu direto para seu cú…. entendi o recado e em silencio eu novamente desci para seu saco….. e desci mais um pouco dei uma linguada bem gostosa no perineo (aquela região entre o anus e a genitalia), nessa hora ele parau de me chuprar e gemia igua mulher seu corpo se contorcia e ele pedia mais…. eu desci mais um pouco a lingua nessa altura ele nao me chupava mais…. agora somente eu chupava e isso me deixava bem excitada…. eu lambia e chupava seu cuzinho enquanto ele pedia mais…. começei com um dedinho entando e saindo alternando com as lambidas ele ficava mais e mais doido de tesão, sabia pois seu pau pulava e estava todo melado… fui com dois dedos dessa vez eu entrava e saia rapido e mais rapido e as vezes bem devagar…. mas eu não estava satisfeita queria mais, então sem ele pedir pegue o vibrador que tenho e as vezes usamos em nossas brincadeiras, lambusei com lubrificante….. e ……… sentei em cima eu gozei so então tirei de detro de mim, e falei para R ficar de quatro ele me obedeceu, passei novamente lubrificante e fui com cuidado enfiando no seu rabo….. eu comecei bem devagar….. entrou so a ponta do membro de silicone ele folou para eu parar….. so que não parei a cabeça ja tinha entrado então eu continuei a empurar….. ele reclamou de dor….. mas eu continuei….. eu comçei então um vai e vem devagar, e a velocidade foi almentando…. ele continuou me pedindo….. so que dessas vez para não parar pra arrombar o seu cuzinho e foi o que eu fiz….. Me senti vingada e com o poder nas mãos…. depois de socar no rabo dele eu virei ele e sentei em seu pau que começou a gozar dentro de mim…. Muito bom, nunca imaginei que ele gostasse de um fio terra, mas a enrrabada foi por minha conta mesmo…. dei varias gozadas Aguardem as proximas

A três é mais gostoso

E aí pessoal! Sou Luccas, e vou contar a vocês sobre a vez em que fiz a três com meus pais. Tudo começou quando iniciei o ensino médio, atualmente tenho 18 anos e já terminei o ensino médio. Mas nunca esquecerei as experiências incríveis que tive nessa época. Voltando ao assunto eu estava focado nos trabalhos que tinha que entregar na semana que vem, e estava muito estressado, então resolvi me desestressar (se é que me entende).

Foda frenética com o entregador de pizza

Olá, sou Bruna, tenho 1,65 de altura, seios fartos e bicudinhos apontados pra cima, coxas grossas, bunda grande redondinha e empinada além de cintura fina, chamo muito a atenção dos homens e adoro me exibir com shortinhos, vestidinhos e amo sair sem sutiã, na verdade não uso nunca pois tenho seios muito durinhos e firmes e sempre naturalmente ouriçados, adoro me exibir,